Entenda o que são as doenças psicossomáticas e como tratá-las

Tão importante quanto manter a saúde do corpo em dia, devemos também nos preocupar se a cabeça também anda bem. A ligação entre mente e corpo é muito forte e muitas doenças podem surgir em função da fragilidade do nosso emocional. Quando um problema psicológico se transforma em uma doença física, isso é conhecido como somatização de sintomas e pode desenvolver quadros sérios que comprometem o nosso bem-estar.

Saiba identificar as doenças psicossomáticas e veja como tratá-las:

O que é a somatização?

A somatização é quando acontecem alterações clínicas no corpo em decorrência da instabilidade emocional. Isso significa que quando a pessoa não está psicologicamente bem, ela pode exibir sintomas físicos, como alteração da frequência cardíaca, aparecimento de manchas na pele, anemia, entre outros.

Exemplos de doenças psicossomáticas

Algumas doenças, embora possam ter causas diversas, costumam estar associadas à somatização. Estas são condições médicas que estão ligadas frequentemente, senão diretamente, ao estado psicológico dos pacientes:

  • Herpes;
  • Vitiligo;
  • Psoríase;
  • Síndrome do Intestino Irritado;
  • Fibromialgia;
  • Bruxismo.

Algumas delas são causadas pela presença de vírus ou bactérias, mas que, sob condições normais, são atacados pelas células de defesa do organismo e ficam sob controle. Porém, com a alteração do estado psicológico do paciente, a capacidade imunológica é reduzida e a doença acontece com maior frequência.

No entanto, não podemos creditar todos os problemas de saúde que uma pessoa tem como resultado de um problema emocional ou porque ela está com o estado psicológico alterado. Existem, sim, certas doenças que são mais propícias de ocorrer como consequência do estado emocional, embora a maioria seja causada por alterações clínicas reais. Deve-se ter cautela em associar a somatização ao diagnóstico clínico.

Para não ter dúvidas ao sentir que algo em você não está bem, busque por profissionais especializados que farão o diagnóstico correto.

Como tratar doenças psicossomáticas

O tratamento de doenças psicossomáticas deve ser feito através da consulta clínica e psicológica. Quando buscar ajuda, fale sobre a possibilidade de os sintomas que você está sentindo estarem ligados à questões emocionais, afinal, para que seu médico possa ajudá-lo ele deve estar ciente de tudo que está acontecendo com a sua saúde e de quaisquer informações que possam ter alguma relação com o seu problema. Avalie a necessidade de buscar ajuda na psicanálise.

Conheça não apenas o seu corpo, mas também a sua mente. Dessa forma, você será capaz de identificar momentos de fragilidade e dificuldade, antecipando a busca por ajuda e cuidado para que a somatização não venha a ocorrer — ou não se desenvolva com mais força.

Independente da existência de doenças psicossomáticas, a busca por profissionais da Psicanálise é sempre aconselhada quando existem questões internas a serem identificadas e resolvidas. Momentos de dificuldade põem à prova a nossa capacidade de superação e o acompanhamento profissional é essencial para lidar melhor com tudo isso — seja por um trauma de infância ou fases complicadas da vida, como a perda de emprego ou de uma pessoa querida.

Tem alguma dúvida ou experiência ligada às doenças psicossomáticas que queira compartilhar? Deixe seu comentário e continue acompanhando o nosso blog para saber mais sobre o mundo da psicanálise!